quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Reviver o Natal no Presépio de Alpalhão



INICIATIVA DO MTA ATRAÍU CENTENAS DE VISITANTES
Alpalhão reviveu o espírito do Natal de outrora com uma bela iniciativa do MTA - Movimento Teresiano do Apostolado - que presenteou os alpalhanenses e outros visitantes, com a encenação de todo o tempo histórico e o percurso que culminou no nascimento do Menino Jesus.
Denominada "Presépio Vivo", o magnífico trabalho a que meteram mãos os jovens do MTA, foi muito mais do que a reconstituição do presépio, com elementos reais, mas toda uma concepção e recriação do trajecto e do contexto histórico-religioso que antecedeu a chegada do Messias.
O espaço envolvente e o próprio átrio da capela do Calvário, transformaram-se, por acção de cerca de 40 figurantes, numa "aldeia viva" nas proximidades do palácio do rei Herodes, esperando com ansiedade o nascimento do Salvador.
O acontecimento final (o presépio, local de nascimento) teve por cenário a anta em granito, trabalho do escultor António Redondo e que assinalou uma das Bienais da Pedra.
Quem se deslocou ao largo do Calvário não deu o seu tempo por mal empregue, apesar do ligeiro atraso com que se abriram as portas da "aldeia bíblica".
A iniciativa dos jovens do MTA é digna dos maiores elogios, ainda mais se pensarmos que é uma ideia que começou a ganhar forma há mais de um mês e que foi "construída" no tempo das férias escolares, com o recurso a muitas sessões de ensaios e muitas horas gastas na construção dos cenários e confecção das roupas.
O Natal de Alpalhão ganhou com o Presépio Vivo um novo motivo de interesse, um reviver de tradições ancestrais numa terra em que o tempo natalício teve sempre uma presença muito forte e simbólica.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Alpalham no Dicionário Coreográfico (Séc. XVIII)


Assim é descrita a povoação e freguesia no Dicionário Coreográfico do Padre Luís Cardoso (Séc. XVIII)

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Música, artesanato e gastronomia "invadiram" o Convento de S. Bernardo


Grupo de Contradanças animou visitantes
A música e as provas gastronómicas continuam a animar, durante os fins-de-semana, a Exposição “Do Palácio de Belém”, patente no Convento de S. Bernardo, em Portalegre.
No passado fim de semana (dias 15 e 16) foi a vez do concelho de Nisa mostrar os seus produtos tradicionais mais característicos, desde os enchidos ao queijo de Nisa, e com particular destaque para o seu incomparável artesanato, muito apreciado pelos visitantes.
A animação musical contou com a participação dos grupos "Contradanças de Alpalhão" e "Tocá Marchar", de Tolosa, que emprestaram o brilho, o colorido e beleza dos seus trajes à participação no concelho naquela que é, desde já, uma das exposições de grande qualidade que visitam a nossa região e a Não Perder!

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

"Bolsas" em exposição na antiga Escola

"Bolsas" é o título de mais uma Exposição Temática a ter lugar em Alpalhão, por iniciativa de um grupo de mulheres ligadas à Santa Casa da Misericórdia local (Lídia Rolim, Maria da Assunção e Maria José Alfaia).
A exposição pode ser visitada nos dias 1,2 e 8 de Novembro, entre as 15 e as 17 horas, no edifício da antiga Escola no Largo Dr. Alves da Costa, junto à Casa do Povo e próximo do Posto da Galp.
A exposição pode ainda ser visitada fora destes dias e horário, devendo os interessados/as contactar o Lar Nossa Senhora da Redonda (Rua de S. Pedro nº 7) em Alpalhão.

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

EM VALE DO PESO

Contradanças deram brilho aos 75 anos da sede do Núcleo Progresso
O Grupo Contradanças Alpalhoense foi a principal atracção do programa comemorativo dos 75 anos da inauguração da sede do Núcleo Progresso de Vale do Peso, efeméride assinalada no dia 27 de Setembro e que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal do Crato, Correia da Luz, presidente da Junta de Freguesia de Vale do Peso, dirigentes e associados da colectividade em festa, bem como da população daquela laboriosa aldeia.
No pavilhão multiusos do Núcleo Progresso, o Grupo Contradanças Alpalhoense exibiu-se em grande nível, perante uma interessada plateia que sublinhou com fortes aplausos as danças e os cantares dos jovens (e menos jovens) de Alpalhão.
Após a actuação do Grupo Contradanças, o destaque foi para a evocação dos 75 anos da inauguração da sede do Núcleo Progresso de Vale do Peso, que ocorreu em 1933, numa cerimónia em que marcaram presença o Governador Civil de Portalegre, capitão Vaz Monteiro e um dos mais ilustres filhos desta terra, o professor Manuel Subtil.
Seguiu-se um animado convívio que envolveu os dirigentes da colectividade, associados, população e convidados, entre estes, os elementos do Grupo Contradanças Alpalhoense que se associaram ao espírito da festa e provaram o bolo de aniversário dos 75 anos.
in "Jornal de Nisa" - nº 264 - 8 Out.08

domingo, 5 de outubro de 2008

Campeonato Distrital de Futebol

Alpalhoense: Vitória sobre o Póvoa e Meadas
A 4ª jornada do Distrital Séniores da Associação de Futebol de Portalegre, iniciou-se no sábado, com o Campomaiorense a golear o Fronteirense por 5-2 e o Santa Eulália a ir vencer a Gáfete por 1-0. Nos restantes encontros de sábado, o Santo Amaro empatou 0 -0 com o Estrela de Portalegre e o Monfortense derrotou o Arronches e Benfica por 4 bolas a zero.
A jornada completou-se neste domingo, com os encontros:
Nisa,1–Montargilense,3; Gavionenses,2– Portus Alacer,0; Portalegrense,2-Alter,0 e Alpalhoense,2– Póvoa e Meadas,1.
Classificação
1º Monfortense 9 pontos; 2º Gavionenses 9; 3º Portus Alacer 7; 4º Gafetense 7; 5º Santa. Eulália 7; 6º Fronteirense 6; 7º Montargilense 6; 8º Campomaiorense 6; 9º Estrela Portalegre 6; 10º Portalegrense 6; 11º Santo Amaro 4; 12º Alpalhoense 4; 13º Nisa e Benfica 2; 14º Alter 2; 15º Arronches Benfica 1; 16º Esperança 1; e 17º Póvoa Meadas 1 ponto.

sábado, 27 de setembro de 2008

Passeio do Grupo Ciclo Alpalhoense

Cicloturistas alpalhoenses
Passagem por Nisa
Os Cansados - Montalvo (Constância)
Convívio e animação no Passeio

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

XVI Exposição Temática: Brinquedos




Viagem à infância através dos brinquedosTrês mulheres de Alpalhão, (Lídia Rolim, Maria d´ Assunção e Maria José), a quem se devem outras iniciativas de âmbito cultural e artístico, meteram mãos à obra e aproveitando a realização das Festas de Verão, promoveram uma interessante exposição, esta dedicada a mostrar o universo da infância de outros tempos, detendo-se no sempre atraente “mundo dos brinquedos e das fantasias”.
A XVI Exposição Temática, realizada no edifício da Creche, no Largo da Devesa (Dr. Alves da Costa) foi mais uma iniciativa com êxito. Levou os visitantes a "viajar no tempo", relembrando as suas infâncias e os mais novos a tentar imaginar as infâncias dos seus pais e avós.
O cantinho dos brinquedos de arame e das bonecas de trapo, foi talvez o que despertou mais recordações, pois eram os brinquedos da época em Alpalhão (o arame e o trapo era a matéria prima da altura). Não faltou o jogo da bugalha, do pica-o-pau, da roda e do gancho, bonecas variadas, meios de transporte, instrumentos musicais e mobílias de quarto, de casa de jantar e as cozinhas com todos os apetrechos.
Centenas de materiais (brinquedos) que foram sendo reunidos ao longo de anos e que se destinam ao projectado Museu (ou Núcleo Museológico) do Brinquedo, um projecto que tem sido difícil concretizar, principalmente devido à falta de instalações adequadas para a sua instalação.
Pelo que foi dado mostrar, o acervo de que Alpalhão dispõe nessa área, são garantias, à partida, de que este seria um investimento cultural com sucesso garantido, para além de preservar objectos, memórias e tradições que, de outro modo, estão condenadas a perderem-se.

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Alpalhoense volta a competir no Distrital

Campeonato de futebol (seniores) com 18 equipas
O campeonato distrital de futebol sénior, época 2008/2009, tem, uma vez mais, a participação do Grupo Desportivo e Recreativo Alpalhoense. A equipa mantém o treinador, Luís Nabais, e não prescinde de filosofia de completo amadorismo, não auferindo os atletas quaisquer comparticipação financeira. Nesta época futebolística, o concelho de Nisa está ainda representado pelo Sport Nisa e Benfica, que regressa à prova principal da Associação de Futebol de Portalegre. O campeonato vai ser disputado por 18 equipas (no ano transacto eram 15), tendo chegado a admitir-se a possibilidade de organizar a prova em 2 séries.
Contudo, ao que apurámos, parece que irá prevalecer o modelo organizativo dos anos anteriores, com as 18 equipas a jogarem todas entre si.

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Dia do Coreto assinalado em Alpalhão

Anualmente o Inatel promove a reactivação dos Coretos. A Sociedade Filarmónica Alpalhoense aderiu a este projecto, como o faz todos os anos, e no dia 26 de Julho, pelas 21h fez o seu concerto, dando vida ao Coreto e animando todo o espaço envolvente com os acordes musicais.

quinta-feira, 31 de julho de 2008

POMBO COMEÇA A VOAR

Posto Galp com outro fôlego
Depois de algum tempo encerrado, o posto de combustíveis de Alpalhão passou à responsabilidade da Lubrinisa, de Rui Pombo. Desde a reabertura, nota-se, progressivamente, um serviço prestado aos alpalhoenses (e a quem passa) com superior qualidade relativamente ao que acontecia no passado.
Além dos combustíveis, o posto Galp tem ao dispor dos seus clientes jornais diários e semanários, generalistas e desportivos, revistas cor-de-rosa, de caça, touros, etc. Estão ainda à disposição dos interessados os principais títulos que se publicam na região.
Pode ainda tomar-se um bom cafézinho no próprio posto.
Para o sucesso desta nova fase do posto de combustíveis muito tem contribuído a disponibilidade, dinamismo e simpatia do seu principal responsável. Pombo tem, de resto, uma intervenção anterior na terra, ligada ao fornecimento de gás. A sua ligação a Alpalhão vem, aliás, já do tempo em que aqui jogava futebol.
É positiva a avaliação de negócio que o jovem empresário faz desta sua iniciativa passados tão poucos meses. Já fornece, diariamente, alguns milhares de litros de combustível, cativando muitos forasteiros a encher o depósito das suas viaturas em Alpalhão. As principais instituições e empresários locais, na generalidade, são clientes desta unidade da Galp. Os próprios bombeiros do concelho utilizam nas suas viaturas gasóleo aqui adquirido. Para contribuir para a sustentação destes serviços, bom seria que também a câmara municipal trouxesse uma parte das suas viaturas até aqui, distribuindo adequadamente pelos 3 postos existentes no concelho os mais de 100 000€ anualmente gastos em combustíveis. Para dar um primeiro gesto de simpatia elementar, podiam ser adquiridos diariamente no posto de Rui Pombo os jornais que ainda continuam a vir de fora para assegurar aos alpalhoenses a leitura pública.

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Iniciativa de Rafael e Liliana

ALPALHÃO JÁ PODE ACOLHER EVENTOS
O Campo entra pela casa, Como se a casa, De chão de terra batida, Do campo fizesse parte, E faz, A casa é recorte, No campo, Só as paredes brancas, Separam um de outro chão…
Numa importante iniciativa de Rafael Moura e da jovem Liliana, com quem casou recentemente, está pronto um bonito complexo de acolhimento de eventos, situado na periferia de Alpalhão, na zona das Safras. O empreendimento inclui uma piscina semi-pública com capacidade para mais de 200 pessoas e um amplo espaço onde cabem perto de 500 pessoas, pronto a acolher festas, reuniões, casamentos, baptizados e todo o tipo de eventos. Também um pequeno restaurante existe no local, onde predominam grandes espaços exteriores a possibilitarem estacionamento de muitas viaturas. Bares com esplanadas apoiam as piscinas, cujo funcionamento se prolongará pela própria noite.
A partir de agora, este espaço que está a ser vistoriado no momento da saída desta edição do jornal, possibilitará já não ser necessário que os alpalhoenses e restante população do concelho e das vilas em redor se desloquem para longe para festas como a celebração de casamentos e outras.

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Lar da Misericórdia comemorou Dia dos Avós


A Santa Casa da Misericórdia de Alpalhão, assinalou no passado dia 26 de Julho, o Dia dos Avós. A partir das 15 horas, nas instalações do Lar Nossa Senhora da Redonda, registou-se a presença do Grupo Contradanças Infantil que dançaram para os avós, com a particularidade de serem os idosos que tocaram os instrumentos musicais e cantaram. Foi um intercâmbio entre as duas fases etárias que resultou muito bem, pois os idosos sentiram-se prestáveis em serem participantes na festa e muito se divertiram, recordando as músicas do seu tempo, além de darem também o seu pézinho de dança. Ao longo da semana, com a ajuda da Animadora, executaram um brinquedo que ofereceram às crianças neste dia. Como foi engraçado ver as crianças e os idosos a jogarem com os brinquedos! Para finalizar a tarde houve um beberete. É de louvar estas iniciativas nos Lares, porque os utentes necessitam de distracção, alegria, animação para ajudar a passar melhor o seu tempo.

sábado, 26 de julho de 2008

Agradável dia de convívio em Sintra

CÂMARA OFERECEU EXCURSÃO A IDOSOS
No dia 17 de Julho, 53 alpalhoenses, na sua maioria idosos, avançaram no caminho de Sintra, onde visitaram monumentos como o palácio nacional e, em comboio turístico, desfrutaram das belas paisagens de Sintra. Em restaurante da vila saloia, confraternizaram no almoço, única componente da viagem paga pelos excursionistas. A viagem foi completamente gratuita, oferecida pela câmara municipal. Participou na visita, em representação da Junta de Freguesia local, a secretária Maria José Alfaia. A parte final da visita, apesar do vento desagradável que se fazia sentir, proporcionou uma vista bem bonita do mar desta zona tão turística de Portugal.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

Contradanças com grande actividade

O Grupo de Contradanças não tem mãos, melhor, pés e braços, a medir. São muitas as solicitações, sinal que o grupo ultrapassou as fronteiras “domésticas” e é conhecido um pouco por todo o país. Um reconhecimento devido em grande parte à participação no programa da TVI transmitido em directo de Alpalhão.
No dia 12 de Junho (quinta-feira), a noite de Santo António, o Grupo de Contradanças vai espalhar a sua alegria e o colorido danças e dos trajes pelas ruas de Amieira do Tejo.
A 20 de Junho, são duas as escolas onde as Contradanças irão actuar, nas festas de encerramento do ano escolar. Às 20,30h animam a festa do Agrupamento de Escolas de Nisa, na Escola Prof. Mendes dos Remédios e um pouco mais tarde (22h) quase sem terem tempo para “respirar”, estarão no Crato para idêntica demonstração das danças e cantares de Alpalhão.
Não faltam, por último, nas festas populares de S. João, na sua terra, nem estas se faziam sem as Contradanças!

sábado, 31 de maio de 2008

JOSELITO MAIA E TRIBUTO AOS UHF

Nas comemorações do 2º aniversário da AJAL.
No próximo dia 28 de Junho, a Associação de Jovens de Alpalhão irá, uma vez mais, marcar presença na dinâmica e desenvolvimento do Distrito.
Desta feita a AJAL promove no Largo Dr. Alves da Costa, em Alpalhão, um dia diferente para todos. Durante todo o dia estará presente no recinto um parque de diversões para os mais novos, com insufláveis e animação circense permanente. À noite, o espectáculo será musical com a actuação grupo “Tributo aos UHF”, que nos irão brindar com um tributo ao conceituado grupo de Manuel Ribeiro. No seguimento, “Joselito Maia” animará todos os presentes com as suas canções originais e para terminar a noite, tendo como objectivo ser uma noite de animação, contamos também com a presença dos Dj’s Tsuk & Tsun.
À semelhança do ano de 2007, acreditamos que este evento mobilizará os jovens e os menos jovens de todo o distrito.
É, sem dúvida, um espectáculo importante para nós, AJAL, uma vez que se trata da comemoração do nosso 2º aniversário.

domingo, 25 de maio de 2008

As fotos do Arquimino - Património(s) - I







Mais um conjunto de fotos (magníficas) de Arquimino Caeiro e que pode visualizar em http://alpalhaovivo.hi5.com