quarta-feira, 30 de maio de 2007

O BRASÃO DE ALPALHÃO

Orago - Nossa Senhora da Graça Área - 34,16 Km2
Ordenação heráldica do brasão e bandeira Publicada no Diário da República, III Série de 28/02/1998
Armas - Escudo de vermelho, uma rosa heráldica de ouro, botoada do campo e apontada de verde, uma alparca, uma cabeça de porco e um besante, todos de prata e alinhados em cruz; campanha diminuta ondada de prata e azul. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco com a legenda a negro, em maiúsculas : “ ALPALHÃO “.
O Alpalhão é uma freguesia portuguesa do concelho de Nisa, com 34,16 km² de área e 1 517 habitantes (2001). Densidade: 44,4 hab/km².
Foi vila e sede de concelho entre
1512 e 1855. Era constituído por uma freguesia e tinha, em 1801, 1 492 habitantes. Após as reformas administrativas do início do liberalismo, foram-lhe anexadas as freguesias de Gáfete e Tolosa. Tinha, em 1849, 3 322 habitantes.

terça-feira, 29 de maio de 2007

JUNTA ADQUIRIU VIATURA

Viatura para apoio à cultura e desporto
A Junta de Freguesia de Alpalhão adquiriu uma viatura de nove lugares, pelo valor de 7.500 euros, destinada a prestar apoio às associações locais.
De acordo, com os responsáveis da autarquia, os utilizadores apenas pagam a despesa com o gasóleo consumido e terão que garantir a disponibilidade de um motorista.
Os primeiros utilizadores desta viatura foram a secção de pesca desportiva do GDR Alpalhoense, com duas deslocações a Espanha, as catequistas, na deslocação a Montalvo (Constância) e no apoio aos peregrinos que marcharam até Fátima.
No dia 26 e reforçando o autocarro alugado a uma empresa pelos organizadores, marcha até Fátima no apoio à Peregrinação Diocesana, com muitos participantes locais e dinamizada pelas Irmãs Teresianas.

quarta-feira, 2 de maio de 2007

LIGA DE AMIGOS DE ALPALHÃO

Valoriza Passo da rua do Castelo
A procissão do Senhor dos Passos representa uma das mais significativas expressões da religiosidade do povo de Alpalhão.
Os momentos mais emotivos, pela carga simbólica que representam, acontecem nos “Passos” e no Encontro de Jesus com sua Mãe – Nossa Senhora das Dores e São João Evangelista.
Nessa medida, decidiu um conjunto de cidadãos, com espírito de preservação do património artístico, cultural, religioso da nossa vila, e a custas suas, repor o “Passo” existente na Rua do castelo.
É assim que, com o empenho activo da Junta de Freguesia e da LIAAL – Liga dos Amigos de Alpalhão, foi recentemente colocado um painel de azulejaria representando o 2º Passo do caminho de Jesus para o Calvário.
Ao autor do esboço, Engº João José Tavares, a nossa gratidão.
É vontade conjunta da LIAAL e da Junta de Freguesia, continuar, nos próximos anos, a obra de valorização da Via Sacra acrescentando aos já existentes outro “Passo”, nomeadamente no local onde se encena o Encontro.